terça-feira, 6 de abril de 2010

Depilação, Parte I

Oi meninas, na Parte I do post vou falar sobre os métodos de depilação, e na Parte II vou dar algumas dicas para alguns problemas recionados a depilação.
Não importa o método, o que não dá mesmo é sair sem ela.



Vamos aos métodos:

  1. Aparelhos Eletrônicos. Eles arrancam o pelo pela raiz sim, ao contrário do que muitas pessoas dizem. Muitas alegam que ele só quebra o pelo, o que é mentira, se ele for usado de maneira correta, ela arranca o pelo mesmo! Só que dói muito mais do que a cera, ou qualquer outro método (minha experiência, minha opinião). Uma vez que você compre o aparelho, nunca mais gasta dinheiro (só com a luz), já que é só recarregar, limpar direitinho e reutilizar. É mais indicado para as pernas. O Santinelle é muito bom!
  2. Cremes. Os cremes depilatórios possuem agentes químicos que "destroem" o pelo. Não arrancam os pêlos pela raiz, e por isso, o resultado dura pouco. Não dói absolutamente nada e pode ser feito em casa bem repidinho. Aconselho a fazer o teste de alergia antes de usar o produto. Uma vez saí na bobeira de comprar um e aplicar de cara, sem fazer o teste. Era um creme Roll-on, e o apliquei nas axilas. Deram assaduras e minha pele queimou. Tive que ficar com os braços pra cima alguns dias. Acoselho a comprar marcas conhecidas, como eu fiz das outras vezes, é mais confiável.
  3. Cera Quente. É menos dolorida, já que o calor ajuda a dilatar os poros, para que os pelos sejam removidos com maior facilidade. Remove os pelos pela raiz. Tem que tomar bastante cuidado com a temperatura da pele. Eu por exemplo não posso usar esse método, minha pele se queima toda, mesmo com ela morninha, mais para fria. A depiladora diz que é por que minha pele é muito sensível. Já usei a de algas marinhas, de camomila, de mel e própolis, a tradicional, e nada, sempre queima. É recomendada para todos os lugares, desdo buço até a virilha. Se a sua pele não é tão sensível, se joga!
  4. Cera Fria. É um pouco mais dolorida do que a cera quente. Remove os pelos pela raiz e dá pra fazer em casa sem problema algum, só é necessário a cera, tecidos falsos e coragem pra puxar. É indicada pra todos os lugares. Após um bom tempo de uso, os pelos se tornam mais finos e diminuem de quantidade. A primeira vez pode ser um pouco mais dolorida, mas depois você se acostuma e praticamente nem dói.
  5. Lâmina. Corta os fios rente a pele. O corte é superficial, não arranca os pelos pela raiz. É um bom método para emergências, mas desaconselho o uso direto. É bem econômico e prático. Antes de passar a lâmina é bom passar creme ou sabão na pele, para facilitar o deslizar da lâmina sobre a pele, e agredir menos.Indicada para todas as regiôes.
  6. Pinça. Arranca os fios pela raiz. O método é indicado principalmete para a área da sombracelha e do buço, já que são áreas menores. Pode ser feito em casa, mas tem que tomar duidado, já que, no caso das sombracelhas, você pode errar na quantidade de pelos retirados e mudar o desenho da sua sombracelha ou faze-la ficar rala.
  7. Lazer. É "a" depilação! O tratamente de depilação é definitivo a longo razo. Depois de uma média de 6 a 10 sessões, cerca de 90% dos fios "desaparecem", mas vale lembrar que é preciso refazer as sessões depois de um determinado tempo, já que novos fios podem nascer. Quanto mais clara a pele e mais escuro e grosso o pelo, melhores são os resultados. O método é bem carinho, se não me engano cada sessão custa em média R$ 300,00, mas vale lembrar que o preço varia muito de uma clínica à outra. Sendo definitivo ou não, eu acho que deduzir 90% dos fios e deixar os que restaram bem fininhos, vale a pena.

Bem, esses são os métodos mais comuns. O ideal é que você analise seu tipo de pele e descubra qual o melhor tipo de depilação pra você. Feio é sair por ai com buço mal feito, pernas e axilas sem depilar... Não tenha vergonha nem medo, pra tudo dá-se um jeito!

Beijinhos meninas,

Penélope.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário